Afinal, como comprovar a sua proficiência em inglês?

Você já fez um exame de proficiência em inglês? Essas provas são importantes para várias etapas da vida. Embora muitos pensem que elas são interessantes apenas para rechear o currículo, a verdade é que, em alguns casos, passam a ser essenciais.

Quem quer fazer uma pós-graduação, por exemplo, quase sempre tem que comprovar a proficiência em inglês e isso é feito por meio do resultado do exame. E não pense você que só quem vai fazer um mestrado ou doutorado fora do país precisa disso. Mesmo no Brasil, a maioria dos cursos de pós-graduação stricto sensu pede que o candidato faça o exame de proficiência em inglês.

Há também essa exigência para as pessoas que querem sair do país para trabalhar. Comumente, o resultado do exame de proficiência em inglês é solicitado pela empresa e também na hora de tirar o visto de trabalho.

Embora as possibilidades de uso do exame de proficiência em inglês sejam inúmeras, a diversidade de provas existentes também é grande. Qual é a melhor? Qual escolher? Na verdade, tudo depende do seu objetivo.

Nesse infográfico, você vai conhecer os principais exames de proficiência em inglês e verá dicas de quando fazer cada um deles. Confira!

Exames de proficiência em inglês

São tantos os exames de proficiência em inglês que é comum ter dúvidas na hora de escolher um deles? Qual é o melhor?

Para descobrir o que se encaixa em suas necessidades da melhor maneira, separamos uma lista com os principais. Confira!

PEIC – Young Learners

É uma das principais avaliações de proficiência em inglês voltadas para crianças de  6 e 13 anos. A ideia é realizar um exame sem estresse e com muita brincadeira. Como é aceito em várias escolas, é uma boa opção para os pequenos que vão estudar fora.

PEIC – Pearson English International Certificate

Aceito por inúmeras instituições de ensino do mundo todo, é dividido em seis níveis de aplicação (A1 a C2). O teste avalia a capacidade de comunicação que a pessoa tem em situações cotidianas.

TOEFL – Test of English as a Foreign Language

Tem validade de dois anos e é aceito em diversas universidades norte-americanas e da Europa. Este exame visa avaliar o conhecimento da pessoa no uso do inglês em ambiente acadêmico.

TOEIC – Test of English for International Communication

Comumente usado na área corporativa. No geral, avalia principalmente a desenvoltura do interessado, em relação ao idioma, em um ambiente de reuniões, ligações telefônicas, viagens, negociações, entre outras realizadas no trabalho.

IELTS – International English Language Testing System

Além de ser aceito para fins acadêmicos e corporativos, muitas vezes, pode ser usado para imigração. Esse teste avalia a escrita, oratória, conversação e  interpretação de texto. Muito solicitado em instituições de ensino europeias,

Cambridge English Language Assessment

Reconhecido no mundo todo, avalia como interessado se desenvolve em situações do dia a dia. É comumente solicitado por instituições de ensino e possui vários níveis de avaliação.

TOEFL

Esse exame é voltado para identificar a proficiência em inglês relacionada a atividades acadêmicas. Por isso, é aceito em inúmeros países, nas mais diferentes universidades.

Viu quantos exames de proficiência existem? Você já fez algum deles? Conte pra gente nos comentários!

Milena

Escreveu para sites como Yahoo e Dona Giraffa e atua em plataformas com produção de conteúdo. É formada em medicina veterinária, mas trabalha exclusivamente com redação desde 2013. Completou o Nanodegree em Marketing Digital pela Udacity e possui certificação em Inbound Marketing da Hubspot.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *